Oops...
Slider with alias porto hotel slider not found.

Idade das crianças

Confirmar

CONCEITO

Inaugurado em setembro de 2011, o NEYA Lisboa Hotel contribuiu para a reabilitação urbana, reduzindo o impacto ambiental da construção.

O NEYA Lisboa Hotel é um hotel urbano com um conceito de turismo sustentável, que já lhe valeu a certificação através das Normas ISO 9001, 14001 e 45001, a certificação Green Key, os selos We Care e We Share da AHP, o prémio Green Project Award e a Certificação Carbono Zero. Toda a sua atividade é guiada por uma forte política de responsabilidade social e por um modelo de gestão eficiente, permitindo deste modo reduzir o impacto no meio ambiente e a pegada ecológica.

Carta Terra como Inspiração

O NEYA Lisboa Hotel teve a Carta da Terra como principal inspiração para o desenvolvimento da sua missão. O Grupo NEYA Hotels acredita que as empresas devem ter um papel ativo, não só no que toca ao respeito pelo meio ambiente, mas também, através de uma participação que promova o desenvolvimento da sua comunidade. É por isso que trabalha em parceria com instituições de solidariedade social e se envolve nas suas causas.

Parceiros sociais:

Casa Ronald McDonald; Fundação do Gil; Banco do Bebé; Refúgio Aboim Ascensão; Fundação Gonçalo da Silveira; CHLC.

RESPONSABILIDADE SOCIAL

O grupo NEYA trabalha consistentemente para desenvolver parcerias com instituições de solidariedade social. O reflexo dessa abordagem é o conceito de doação, o apoio não se limita a donativos ou contribuições em géneros, mas a uma entrega em tempo, trabalho e dedicação, canalizando os recursos disponíveis, dentro da nossa estrutura de negócio, para ajudar.

O atual paradigma de instabilidade exige mudança de comportamentos, criatividade e a adoção de novas estratégias.

Exemplo disso é a parceria com as unidades do centro hospitalar de lisboa central, nomeadamente com o hospital Dª. Estefânia, próximo do hotel para criarmos o projeto quarto solidário.

QUARTO SOLIDÁRIO

A pensar nas crianças, o NEYA Lisboa Hotel, em parceria com o Centro Hospitalar do Centro de Lisboa, criou a iniciativa Quarto Solidário.

Esta iniciativa tem como objetivo disponibilizar alojamento e pequeno-almoço, de forma gratuita, às famílias de crianças carenciadas que se desloquem da sua zona de residência para consultas médicas, tratamento hospitalar ou internamento.

Mais do que alojar, o NEYA Lisboa Hotel acolhe estas famílias de coração, dedicando-lhes tempo e oferecendo-lhes toda a ajuda necessária num momento delicado das suas vidas. Mais do que uma contribuição financeira, o hotel partilha com estas famílias a sua estrutura, o empenho dos seus colaboradores, o serviço e o carinho de toda a organização, tornando o hotel num prolongamento das suas casas.

O NEYA Lisboa Hotel acredita que ao ajudar os familiares, está também a ajudar estas crianças, oferecendo-lhes a proteção e a segurança de terem a família perto numa altura de maior fragilidade.

Ainda neste âmbito, o NEYA apoia os profissionais de saúde que têm uma tarifa preferencial no Restaurante Viva Lisboa e em eventos realizados no hotel.

 

SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL

O setor do turismo é dos que tem um maior impacto no ambiente, e é por isso mesmo que o NEYA implementa diariamente práticas eficientes para a diminuição da nossa pegada ecológica. Sendo um hotel sustentável, está diariamente empenhado na qualidade e excelência dos serviços através de um conceito de sustentabilidade tripartida – ambiental, económica e social.

Para além de uma gestão eficiente de resíduos, todos os quartos têm um cesto onde os hóspedes podem separar devidamente o seu lixo. A água dos banhos é aquecida por painéis solares, para a diminuição de perdas do sistema elétrico. Existem ainda, redutores de caudal bem como, torneiras com sensor  nas áreas comuns, para evitar desperdício.

Celebrou-se um contrato de fornecimento de energia elétrica com a Axpo Iberia, certificada pela AENOR como Energia Verde Classe A proveniente de fontes de energia 100% renováveis, o que permitiu reduzir as emissões de carbono provenientes do consumo de energia.

Em parceria com a Ponto Verde, as emissões de carbono foram calculadas e realizou-se uma ação de plantação de 750 árvores para compensar o CO2 libertado para a atmosfera, o que valeu a Certificação Carbono Zero. O NEYA Lisboa Hotel orgulha-se por ter sido o primeiro hotel a obter a certificação desta entidade em Portugal.

O NEYA apoia um programa “PLASTIC FREE”, que contempla a utilização de amenities recarregáveis e a não utilização de garrafas, sacos e palhinhas de plástico. Estas foram substituídas por palhinhas comestíveis da Sorbos. Passando o hotel a integrar o Movimento sem Palhinhas.

Estão ainda, à disposição dos hóspedes, bicicletas para que circulem pela cidade sem utilizar carro ou transportes. O hotel tem ainda condições para que tanto os hóspedes como os colaboradores se desloquem para o hotel de bicicleta, com um parquímetro exclusivo no parque de estacionamento. Estas medidas em prol de uma mobilidade mais sustentável já valeram a Certificação “Portugal Bike Friendly” e o “Prémio Nacional Mobilidade em Bicicleta” atribuídos pela Federação Portuguesa de Cicloturismo e Utilizadores de Bicicletas, em 2018.

Para além disso, sempre que possível, o NEYA recorre a produtores nacionais para adquirir os produtos que são necessários, tanto para o hotel como para o restaurante Viva Lisboa.

O NEYA Lisboa Hotel orgulha-se da contribuição para reduzir a pegada ecológica no setor do turismo e acredita que com o contributo de todos podemos tornar a atividade turística mais sustentável.

 

SUSTENTABILIDADE ECONÓMICA

O NEYA tem como objetivo melhorar o crescimento económico, procurando o equilíbrio sustentado da balança comercial. Através da valorização da oferta nacional, visa o aumento da compra de produtos nacionais através da dinamização do mercado interno.

O hotel trabalha com um fornecedor que apenas comercializa energias renováveis. Desta forma o hotel é abastecido 100% a energias renováveis, energias hídrica, solar e eólica.

O restaurante Viva Lisboa conta com a certificação “Portugal Sou Eu”, que garante que este recorre a ingredientes nacionais. Esta obriga a que todos os anos se aumente o número de ingredientes e menus nacionais.